MJB Melhores albums de Metal e Rock lançados em fevereiro 2022

E hoje começamos um novo quadro mensal neste humilde podcast. Vamos falar dos melhores álbuns do ano de mês a mês, e como somos todos errados começamos com fevereiro, os álbuns que mais nos agradaram ou surpreenderam, esperamos que as dicas agradem e este mês voltamos com os melhores de março.

Transcrição automática do Episódio:

00:01 Que sejam bem-vindos ao meteu jacob, que se dessa vez a gente vai trazer um novo quadro, a gente vai falar dos lançamentos do mês anterior. Mas como óbvio, a gente arrumou um dia retardado, a gente já começar em fevereiro para que você janeiro, né? Bom, como dito, a gente vai tentar falar um pouco sobre os CD s que saíram no mês passado. A gente vai discutir nossos conflitos. Não sei se vai criticar alguém dessa vez. E como a gente está sem convidados,

00:31 vai ser só eu e o andrezão. Um bate bola aqui bem rápido e Andra que fala, rapaziada? Estamos aí, não é? Alguém tem que trabalhar, não é honesto, isso não é, está todo mundo de férias, né? Aproveitando o verão no Brasil, certo? Todo mundo pra parcela é errado, é a gente que está aqui no frio, se bem que agora Lisboa, cara, foi invadido por uma Areia. Tá parecendo o Marrocos é um deserto muito pequeno pra chuva de 100. É padrão ai que é esse chuva vai ter um dia de verão só.

01:01 Bom, mas vamos lá, vamos parar de fim de enrolar, que que você começa dizendo que foi um dos 3 destaques deste mês de fevereiro. Cara, o Daniel, vou te falar, viu, bicho? É se a pandemia trouxe algo de positivo, sim, a gente pode dizer isso é. Que são a qualidade dos álbuns, não é? Desde o início da pandemia, em 2020, foi foda, 2021 foi foda para caralho. Em 2022 já começou prometendo. Coisas incríveis assim, né, cara? Eu, eu, a gente destacou alguns assim, não é? Eu vou começar falando.

01:32 De um álbum que eu gostei muito. Tinha do amor, fiz uma banda que eu gosto particularmente e que lançou dia 11 de fevereiro, cara, o seu 13º álbum. 13º chamado halo é a Mano, basicamente uma maior fiz é uma, é uma, é uma banda que não sabe errar. Opções não houve margem de erro deles, é mínima. É uma função, é um daqueles exemplos de bandas que que envelhecem muito bem e que vive uma fase incrível. Assim,

02:02 nos últimos álbuns, não é cara, não é só o halo. O que que é do caralho desde o Queen of time, que é Oo antecessor, né? De 2018? É, e eles estão num momento criativo muito bom, embora assim, vamos ser sincero. Esse novo álbum não oferece nada de novo. É, e que bom que não aparece nada de novo, porque a gente vai ouvir amor, eu fiz o que houve exatamente, é aquilo que a gente, já que eles já nos acostumaram, não é? É uma banda que já mudou bastante no decorrer da sua carreira, então mantenha a qualidade

02:32 absurda de sempre e é um puta de um disco cara. Não sei se você curtiu você geralmente não gosta de nada. Não, eu gosto de coisa diferente, mas cara, a maior fiz. Eu tenho um problema que é uma banda que ao vivo eu achei muito melhor do que gravado. E aí eu tenho um pouco de preguiça, mas aí eu peguei um pouco de preguiça dos CDs, não é? Então, o CD é a bem que você falou mais do mesmo, que não é um problema, porque os últimos 2 eles foram muito bons. Eu achei que está um pouco mais pesado que o anterior. Não

03:02 sei se é impressão minha, mas está, parece que está com um pouco mais de rev focado nesse no deficit mesmo. EEA bateria também acho que está um pouco mais pesada, mas de resto eu não sei que para mim. É a mesma coisa, não vai estar no seu top 10 com você. Não, não vai entrar no meu top 10, infelizmente. Mas acho que a maior feliz nunca entrou no meu top 10 de álbuns. Então, k, eu acho que esse esse, essa sua fala e eu ouço algumas vezes. Com bastante, ouço bastante, até que é

03:32 eu gosto mais da banda ao vivo do que de estúdio. Isso pode ser levado como um elogio ou não? A cara, assim, eu prefiro isso do que o contrário. Eu também, cara, eu prefiro 1000 vezes ver uma banda. Que porra é boa para caralho ao vivo do que chegar no show, pagar uma grana. E confias cara, que já teve vários casos desses. É um teste, um teste é foda, mas é isso aí, bicho, a maior fiz de você qual foi o? Qual foi, Oo álbum que mais eu já sei, né? Mas fala aí para, para ela que o mundo inteiro

04:02 já sabe quem escuta o podcast, que é meu amigo, já sabe que eu sou o menino, foi um boy. Eu tenho gorro, camiseta, bolsinha, tênis, tatuagem, tudo deles. Que é o cenário e culta que vai pariu, não é um menino. Gagno voltou lá, falou, porra, a gente fez o primeiro CD, chocou o mundo. A gente foi o segundo seguido, é que ficou muito melhor produzido como banda. Vamos fazer o terceiro e foder todos os conceitos de gênero musical possível,

04:33 então vamos botar black metal, blues, gospel, funk, eletrônico, a porra toda. Ou seja, chocar mais. A indústria usa. Então isso para mim, cara, é um grande. Vai se foder dele, que é tipo todo mundo odeias, que eles são black metal e ele está fazendo black metal melhor que muita banda de black metal. E, cara. Para mim é aquela coisa. Eu já esperava algo diferente, porque o Stranger from foi já um pouquinho mais experimental. E aí os caras me

05:03 soltam, tipo, totalmente experimental, tipo, você tem arranque, é pesada, bem pesada, assim já começa. Porra. Quase na pagada de black metal puro, mesmo assim, meio cru. A rua E vai para Golden layer, que é tipo, tem um blues, aquela coisa meio atmosférica e depois ele cantando com a voz que é tipo, sei lá, eu acho que fala como parar, mas, tipo um tom AIDS da vida é uma coisa assim de blues. Menos, aí vai para AD machine daquela aquela voz dele de saúde gospel. Não é misturar?

05:33 Sim, sim. O cara sensacional. E aí tem as 2 favoritas para mim, que são a gota da Marun, que é um cara puro, black metal, rum e foi um dos primeiros singles. Não é para mim, é tipo pesada para caralho, se, tipo, se eu fizesse um CD só nesse estilo, eu acho que os trovões não iam ter muito problema é, e a outra é a Fed machine que ela começa com esse gospel. Você falou meio tipo de vários, devagar, aí vai para o metal, e aí de repente

06:03 começa, porra, daria. E cara, pedal duplo, o vocal dele sempre ajuda na percussão também. E, cara. Não é? É foda eu não elogiar, porque. É o álbum inteiro ficou bom e eles fecham com mais. Ou era ainda que a. JBL ser minha no j não vamos decidir ou HHELOJMB tudo, caralho. Eu não vou lembrar agora é, mas é jazz, metal e blues

06:33 que é jmb e a outra é AHAHAHELS. Eu já não lembro o que que era, mas cara, os caras mataram música eletrônica total, Jesse, foda-se. Eu achei vocês nacional e dá para dá para ficar falando uns 20 minutos sobre? É, não eu. Eu, Mano, acho genial tudo o que os caras fazem também é a mesma coisa assim, aproveitamento é de 33. Assim os caras lançaram só álbum foda. Achei esse álbum bem ousado.

07:04 Assim o negócio dessa dessa mescla que ele, ele injetou muito mais o pop aqui também, não é? Um pop bem atual, bem moderno, cheio do caralho. Se as músicas que você citou concordam todas, mas a minha favorita? Aliás, a minha música do ano até agora. É short Burns, acho do caralho, queres? É muito boa a letra, essa ironia, esse sarcasmo. A música em si, cara, é música pop, falando de queimar igreja é maravilhoso, cara, é um tipo, aquilo é um tapa na cara mesmo,

07:34 né? E é do caralho. Assim achei foda um para mim, é o melhor disco do ano até então. Tá vendo? Não é para para mim também quer, porra? Essa que você falou eu acho legal, porque essa parada ela começa meio pop, aí tem uns efeitos que lembram as vezes e top uma letra demoníaca. Cara, tem gente se revirando e xingando. Ele até não poder mais, não é? Mas é um tom, tom é do álbum é esse, né, cara? Por isso que eu acho que essa essa música é bem representativa, mas escolhe uma então

08:04 pra gente ouvir, pra galera dar uma pirada aí, cara, eu acho que até pro pro nosso público, porque eu sempre entre as teses foi eles, eu vou começar de sinar do rum rum, não pode deixar as pessoas tristes não, não.

08:47 Depois dessa pequena pedrada, eu vou dar mais uma chance para André para falar o segundo dele aqui, porque o meu vai ser a pelado de novo. Cara, eu vou. Eu vou falar então do do uma galera responsa gente fina que a gente entrevistou aqui no podcast galera do hibria. Banda gaúcha é. Faz aquele som Power metal, Speed metal, prog metal, né? E eles lançaram no dia 25 de fevereiro, um metamorfose. Cara, é a gente está adiante aqui de

09:17 um renascimento da banda, porque é uma banda que imagine, mudou 4 dos 5 integrantes, a evolução. E é impressionante assim a qualidade do álbum Bom Gosto marca a estreia do do do da vocalista o Victor emeka, né, cara, é um monstro. E a banda soube entregar em trabalho primoroso, assim, sem sem fugir da identidade da banda. Não é da história que a banda construiu e, ao mesmo tempo, agregando valor à identidade de cada novo membro. Né, né? Pra mim é um dos melhores álbuns da banda.

09:47 Assim, EE sem dúvida, é um dos melhores álbuns nacionais. Assim, em 2022. Puta trabalho de Bom Gosto mesmo, e eu curti pra caralho, eu sei que você não. Não é muito sua onda, mas é um álbum bem produzido, bem feito. Mês em Brasil, não é? Então isso vale vale o registro. Não sei, não é Power metal, não é minha, onde eu ouvi, obviamente, porque a gente falou com eles não porque este, apesar dela, não tem participado exatamente para não ser o Power metal daqui. Mas cara, eu gosto sim,

10:18 não é aquele para mim, não para mim, não é aquele Power metal que está lá nos anos 80. Isso eu acho que já ganha muitos pontos para isso, que é uma coisa mais criativa, parece mais criativo, não é moderno, não é exato? Então eu acho que assim, para mim tem muitos pontos. Pela questão de Power metal ser aquela coisa muito tradicionalista. E os caras terem uma coisa mais Moderna, uma pegada diferente. Eu vou que nem você, falou o vocal é muito bom. É, acho que todo mundo não é bateria também é muito boa, não

10:48 só mostra a bel, toca pra caralho que está. As caras conseguiram fazer uma formação atual, nervosa é do pirando. Queria ver ao vivo. Quem sabe os caras dão pulo aqui em Portugal, seria do caralho poder ver os caras sim, e o CD também saiu. Fique final do mês, não é? Ou foi o começo de fevereiro é foi no final do mês, então teve gente que quase perdeu, talvez ele fosse entrar no mês que vem. Não é? É isso. E agora? Então vamos lá, vamos dar, vamos dar, vamos dar seguimento aqui. Se você gostou

11:18 mais de alguma é milagre, não é? Você gostou de 2 coisas no mesmo mês? Já acho que é, pode ser, é muito, né cara? Pior que tem muita coisa que eu queria falar que isso é o tudo. Em janeiro, essas merdas 7, 28 e tal, mas é foda, né? Não dá para trapacear, dá pra falar que saiu que nem filme né? Sai no cinema no Brasil mais tarde do que aqui né? Que a gente fala isso? Mas, cara, vou de que eu estou aluna que também não é nada imprevisível para mim, não é? O é uma banda que eu já tiro há muito tempo,

11:48 sou e 500 maravilhosos, maravilhoso e cara, tipo para mim. OC ds é a mesma pegada que você falou do amor? Fiz que os últimos 23 eles são muito consistentes com saiu agora o próprio esqueci o nome vocalista agora comentou que os 3 álbuns tem uma conexão na parte de como ele escreveu de toda a criação deles. Que dá para ver? E eu acho que cada eles também, tipo. Melhoraram o que já tinha funcionado.

12:18 Eu acho que é um tipo de CD que dá para fazer até de filme de terror como trilha total numa coisa, tem algumas músicas daquela beyond que era extremamente atmosfer. Fica, e aí, pela ironia, eles trouxeram um cara de jazz para cantar junto. Eles também tiveram gente da banda pop, que é a Fênix também, para ter um pouco de textura. Não é de diferença na banda. E cara, eu acho extremamente consistente, não teve uma música que eu falei um que merda.

12:49 E até em comparação com o que eu estava falando do Senado, não é o dizer nada. Ele não tem uma sequência. Cada CD é um CD, é cada música é uma música. Eu não tenho necessariamente uma conexão ou do culto ao Luna, parece que da música um até a música 9 tenha uma conexão e a visível pela letra, pela historinha que conta e também pelo ritmo, né? O que você acha? Bem apontado, cara, é primeiro, a gente está diante de uma de uma banda que vive o seu melhor momento.

13:19 É a melhor fase da do do que eu tô falando. No final é chegar ao senhor, estava o trabalho muito ciente daquilo que que pretende que sabe exatamente aonde quer chegar. É uma banda sucinta, é cara, uma das bandas mais interessantes de metal que eu acho hoje em dia, assim, cara, muito coeso, muito preciso, é uma banda que não se deixa acomodar, os caras estão sempre experimentando, né? Até porque eles misturam muita coisa, né? A gente tá falando de post metal do um Island a mistureba do caralho, que dá uma identidade

13:50 própria para eles. Absurda não é? E cara é assim. Eu ouvi, fiquei de cara, fiquei de cara, é pra mim um dos melhores álbuns do ano. Acho difícil sair dessa lista até o final do ano, é Claro, pra gente começou agora, né? Mas cara, uma pancada assim, de uma banda que vem só acertando, só um fato, né? Eu acho que para mim ele só não chega a ser o melhor CD deles, porque eu gostei muito da colaboração que eles tiveram com a Julie Christmas. No mariner de 2016.

14:20 Cara, tipo AO vocal dela com o peso da banda, acho que ganha ainda, mas está já no meu segundo CD favorito no corpo, a Bruna fácil. É, eu ainda não sei precisar exatamente se é o melhor, mas é ali, né? Está no bonde para mim, para mim está está bem próximo, viu? Eu? Também é uma banda que nós falou, eu quero muito ver ao vivo. Da sua mãe, do caralho. Eu também nunca vi. Tô louco para ver também. Mas já que eu mandei a do dicionário,

14:50 que que você manda e hibria ou cotovelo na para tocar, não vamos ouvir um, vamos ouvir 11 e BRA na cara. Dá uma moral aqui aí, tá? Banda, banda Brasileira. 100% qualidade não é? Vamos, vamos, vamos que vamos, vamos ouvir, você me pegou aqui de surpresa, mas eu posso escolher aqui um álbum, ouvir o ar, Craig, acho que cai bem um momento assim, os warcry boa. Bom,

15:27 continua. Volte depois desses sons. Aço nacional, vamos começar os fechamentos que a ideia desses, apesar de receber curtinho, só falar uns 56 e 10. Aí então André fecha isso aí. É isso. A gente acabou fazendo meio que um top 5 não é assim.

15:57 Basicamente, alguma coisa é que teve muito alvo, assim eu gostei de muita coisa. A gente podia citar, aqui é o próprio cara. Eu ver um prison lançou era Bus e no início de fevereiro, ali, dia 4 de fevereiro, e até um descaço assim de Def. Corde DF metal um puta de um disco o melhor da banda até agora, pirei Ham. E aí a gente tem as bandas clássicas, né cara? O Saxon lançou o capeta assim. Muito tempos ótimos para sair. Coisa deles é não é sensacional assim, cara, é exato,

16:28 Bela referência. EE cara, os corpos que eu vou te ser sincero assim, cara, eu esperava quase nada assim. Desculpa, já é uma banda que eu a respeito muito, é um dos pilares, mas já já tinha largado mão assim, né cara e bom real é que eles lançaram um rock Billy ver. Dia 25 de fevereiro e ao 19º álbum, os alemães, arrumou para caralho. Que respeitar cara é o rock. A verdade é que o rock Billy ver ele cativa do início ao fim, assim é um álbum que

16:58 marca a estreia do do Mick de na bateria, né? Eterno bateria do motorhead. Mas o feitiço EEO álbum entrega, assim, verdadeiros hits, não é, cara? Não é um algo divertido demais, é e que só não vai agradar aos cruzam, que continua esperando ainda um novo blecaute, um novo trem se achando que a banda vai lançar um álbum com a sonoridade 1980, né, velho? Senta lá, espera, chora e comemora que uma banda que eu me descobrisse ainda não lança um álbum relevante

17:29 com 70 anos, né? Acho foda que já poderiam estar dormindo. Já poderia estar ali de boa, não é? Pelos Campos da Alemanha tomando a sua breve. Aí eu eu vou só de. Também mensões honrosas, teve o queridíssimo corrente Taylor lançando um CD de covers. Olha aí, óbvio, meso? Era, mas também abre os projetos solo dele, né? Alega um. Soltou um CD maneiro pra caralho. E uma que tem

17:59 que falar também pelo que você falou, de ser um clássico foi o emulation e o na Palma dela. Que os 2 soltaram CD em fevereiro, não é um papo e foi um EP, não foi? Foi não, OK, agora bota aí como CD, não sei. Olha o registro não é álbum, é um Mini álbum. Então, são esses os que entraram assim que eu cogitei e falar, mas não, não, não. Passam ali a regra de falar porra, vai para melhor, vale a pena é OE, mule acho que vale a citação porque é um álbum bem legal, é Claro, também

18:30 na nada de novo não. Não descobre a pólvora aqui, mas é um bom álbum, vale a pena ouvir. Gostei, e aí a gente quase esqueceu de 2 de new metal, cara, como que a gente não está falando de new metal nessa, nesse podcast new metal vai voltar, meu Deus. Korn lançou o CD Henrique, em que você gostou? Aí eu não gostei. Então não vem, não vem me criticar por um metal e rap? O que é mais antigo ainda de janeiro? EE olha que é o seguinte, eu prefiro rap do que corpo.

19:00 Mas, cara, é aí, nesse caso, inverte, porque eu é que não achei uma legal bem diferente assim. Acho que o corning se ligou muito mais em rock alternativo do que do que no próprio meta. É, achei legal. Zinho, só vez que você gostou, não é mais. Meu método é assim, meta vida, paciência para mim. Utilizar essa porra. Então, o que que a gente toca de última música decente? Há vamos mandar um Scorpions aí, rock Billy, ver que é um hit, cara. Se a gente vivesse na época das rádios ainda essa música

19:30 bombar todos os dias. Lyle dizer. Bring life. Vó,

20:02 a gente chega ao fim. A gente vai perguntar para vocês nas enquetes aqui do Spotify, qual foi o álbum de fevereiro que vocês mais gostaram? Mandem essas indicações que vão ajudar a gente também a ouvir e conhecer um pouco mais caso seja alguma coisa diferente. I. Se não gostarem, favor pronuncie-se no nosso Instagram e a gente vai ver o que a gente pode fazer. É, manda um e-mail para o soft, manda e-mail para o saque lá para o e-mail que o chaib e não consegue falar nunca. Demorou, mas não é isso.

20:33 Boa noite. Estamos juntos. A gente se vê em março, a gente se vê em março e para deixar de fundo a melhor música, que saiu em janeiro, porque a gente não sabe mais contar as coisas. Anitta Boys Don’t Cry. 

Compartilhe