MJB Special: Should we separate the work from the artist?

Today we have gathered the four blowhards together because the topic is serious, these days, would it be possible to separate the work from the artist? I bet we all live this dilemma, whether in music, the seventh art or literature, it is never easy to love the work of an asshole, but should we feel guilty? To stop listening, to read, or to listen? Is the work greater than the author? There are so many questions that we decided to make it even worse and debate such a delicate subject with the subtlety of a rhinoceros. Listen and let us know your opinion, can you separate the work from the artist?

Automatic transcription of the episode

00:03 Welcome to the metal jukebox, my dears. And today is a day of polemic polemic. We are super pop there that the business is going to get crazy is who, my dear, that today we are going to talk about what is important to highlight the artist's work or the artist runs away with the work and everything man, let's know about more. Now come with us. What an entrance from the outside, the best thing for me, wonderful, man, everything is so much better.

00:35 And a lot of fucking. That's it, guys, it's not easy, no, man. You go there. It's years to build and seconds to destroy, right? My darlings, it's never easy being a public personality with great powers. Great responsibilities come with it, I would say. The banana show is not easy, you are there, you are, you are in the world, you have to have responsibility, be aware my brother, because if you don't, man, you are going to be fucking up a job that was done with sweat, but that's what we are going to talk about here, we are

01:05 with our 3 warriors, a very fucked up episode, because we have 4 people are here, it doesn't happen today, my dear, so. Pondal, hail special here I will start with Andreza. Andrezão is that you are, my dear, talk, guys, we are here firm and strong. Not talking about metal jackbox document, right? Today a special episode. Exactly, man, and Camila, how's it going? What's up, my milk pudding? Soft convict? All smooth, isn't it? And let's talk to the greatest Pedro

01:35 of Lara in this Brazil? Come on, Daniel, hello, let's talk a lot of controversy today. Let's see who's going to get kicked out of this podcast. As of the end of it, I don't expect anyone to be kicked out. May God protect us. Amen, right? So, let's go, shall we? Let's start here so that, who knows, controversy is nothing, and we like to throw shit in the fan, right? So, I'm going to start here with my dear André. You were so much in the middle of studying like this, right? I saw

02:05 Everyone was down, no one made eye contact, it was I'm going to call it a face, I don't think. We've been wanting to do this episode for some time now and I think that every year it gets clearer, right? It gets more in evidence. Yes, I think that in my opinion, before anything else there is no right or wrong, not yet those that each one has their own, their own point, how far they get, so this is a subject that only from what you think of point, isn't it? There is not. The right thing is, fuck everybody and I'm not coming anymore

02:35 or right is, we're not going to have for each one and then a limit, right? I think everything, everything works with limits too. Me. I thought of a point, man. The first point is, I think it is much more difficult when you already know a work. I'll take an example of course, and I'll start our debates here. One of my favorite bands in life, and I grew up listening to it, is the Beatles, right? Hikaru Beatles changed my life, right? And after a while,

03:05 Today, with the internet, especially, we have access to everything, right? And then I found out that John Lennon was not such a nice guy. Yeah, I wasn't a nice guy with the people around him. With his family, with his family, with his wife, for the son who had beaten his wife, right? Yeah, so what, man? I don't know if it's fair for me to be punished for the stupid attitudes he had, you know? Because, like, I fucking love the music he created, right? And I can't give it up because the guy is a

03:35 I think it's fundamental in some cases, you know? And in most cases I try to separate it a little bit. It depends on how far you go, it is also promotion, man, I can't even promote a band or an artist, a writer, we will discuss this further, right? But I wanted to start with this case. Which is of utmost importance to me, because the Beatles have an overwhelming effect

04:06 so In my life. EE I disagree with pretty much everything that John Lennon did in his personal life. But to me, that may sound a little selfish, but to me that doesn't. It doesn't affect me as much as their songs affect me, you know? I don't know if I was too clear, it was, it was clear, it was clear, yes, I understand your point and I even think it is important, first of all to talk about these bands and then we also do that business, right? Who thinks that we have to separate the same work? Or when the guy goes there and fucks everything up, then it stops, it's over,

04:36 it is gone, we will put it in oblivion, we will cancel the band, that is a path that I don't agree, I don't believe and I am already leaving mine here. So my contribution, because, man, it is very unfair to think that a work built with the Ori blood, sometimes with a lot of dedication done, sometimes by more than one person, right? By 4 or 5, you see this being put down the drain. This is totally destroyed because of one jerk, sometimes a jerk. He will do all the work. I mean, in the Beatles we had John Lennon there,

05:06 but he is fucking with all the people. Ricardo is a dick, it's yesterday, you know? Beatles is a company, right? It is not an example, he doesn't get the same thing as me thinking my company, my company goes there, does shit, man, I just work there, me, Michel, no. I fucked up, man, if the top guys in my company fucked up, I can't be blamed as a son of a bitch. There is that question of responsibility, that is, the one who commits the crime pays, and then he is out, but the others, man, we are not going to be penalized for that. I think that we have to have a good sense, to know how to separate what belongs to each one of us and know how to do it.

05:37 did we already know about your crime, it's here, but now, works of art have their value to me, Hein people? And even if it was produced by one, by one, to be an entity. And then, what I will always say, right? The human being is flawed. Whoever believes in the human being is doomed to be fucked. It doesn't work. There is no way to believe in the human being, because he will produce mistakes. If we produce mistakes, imagine the others. So I don't deify anybody. You'll be happier in your life, man, I think nobody is an idol, because it starts there when the guy has an idol, then

06:07 fucked up, right brother? Idols is not, it's already bad, that's what I think, to start with, I tend to agree with you two, but I also think it's interesting that we. Of course, this depends a lot on the subjectivity of each person, isn't it? So, we are talking here about John Lennon, for example, I will bring only the King of Pop Michael Jackson, no matter what you have heard. If you, what you like about the guy, you certainly grew up listening to him.

06:37 Michael Jackson plays thriller, everybody dances and man, he was a pedophile. We know it, it's there, it's given, nobody proves it. This is one of the most polemic ones, because even today there is a lot of shit. That's why it's not good, it's bad, it's not a given, but like this. It's a weird conversation. Strong indications to Strong indications is suspicious, it is suspicious. And then, man? Then you think, I'm not going to consume his content anymore, but then you end up getting into his life story

07:07 of the guy is. We know that he was psychologically abused when he was a child and that justifies it, doesn't justify it. It's not the famous, it doesn't justify it, but it explains it can be accurate, it doesn't justify it anymore, it explains it. And you're left thinking, hey man, am I going to keep on consuming the content of a crazy person who may be a pedophile or am I going to stop and here comes the question of how big is the work and what impact does it have on your life? And then I really also see it as unfair that you stop consuming something that in your life was relevant because of the story

07:37 of that guy. But I also think there has to be a counterpoint, but will I? Disclose it, tell more people about his work, help him in some way, that's also where this doubt remains, right? Always like I'm going to consume this here, but indirectly it is helping the guy. Of course not Michael Jackson because he died, right? John Lennon the same thing, but we will also bring here cases of people who are very much alive and very well, thank you. And then you are left with that exact doubt and talking shit and

08:07 When you consume her art, you know who directly, you are helping her make a buck and maybe I continue to be an asshole, so that's also my question, especially to you, who is the only woman here. If a guy who beats a woman and I go there, I, Daniel. And from the money to him, you would find that, Money. I believe in arriving after he beats you in exchange for what? I'm not the guy who works for him, the guy has a cool job, but I, the guy just beat the shit out of Camila. And I go there and tell him, come on,

08:37 Then I saw it, but, hey, the guy at work, all the way around, right? But the job is good anyway, it's the owner. At 100 BRL it is. So, how do you feel about it? It's very exactly, that's it, like, and it's, to what extent do you really care or not really care about what happened, man, you put it on that level naked. Is it fair for someone to continue to consume the guy's content there while they're getting a black eye at At best, you know what I mean? So I think it generates. Reflex Ham de gera because it is

09:07 one, it's kind of a thankless thing, because usually when a company doesn't boycott the company, you can even manage to stay without the product now, when it's an art, that is, we will even talk about is, I won't just stay in the music, but if you are going to talk about literature, other things that are made, but calm down that are a lot, I think I will, I will lock you in the music first. Because I will complement what you are saying? There is another factor that I have just mentioned. I haven't given my point of view yet, I'm just asking here, I'm being Devil's Advocate, aren't I? But there is another factor that you mentioned, there is a band, it is a company

09:37 man, and the Rogers and the tour people and the marketing people and the people behind the studio and the guy who wrote the lyrics all this money is go fuck yourself, go fuck yourself. I am not saying that I am one of the people who has a different point of view about this that I will talk about later. But you have to take into consideration that if you want to stop, talk to the Beatles, let's go. The project that was André's example. And all the rest that were behind it, which were not only the band members. And that they will continue to make money with the work that

10:07 already. They've done that sometimes they didn't even know it. It's that the guy was an asshole, that's fundamental. It gave the fact that you knew the work before you found out the dirt on somebody. Man, I think it makes all the change that it's not one thing, it's like, Oh, I'm going to listen to a guy's band who is a racist over there, I don't think anybody here is going to, right intentionally, we're not going to see another one. Let's hear a guy who, gee, it seems like he's beaten up three girls and released a movie. Now he is a director

10:37 of one. I don't think anyone will have one. I'm connected that the guy is a Nazi, but I'm curious what he sounds like. It sounds like the movie is good old fashioned, so not the folks, most, I think 98% of the stuff we. You will debate here, you will discuss. These are things that we already knew. And then we came to know that the thing, the expensive work, the work is once the artist has put a work in the world, he no longer has control over it. He said that if he wins, there is no way, bro. If he doesn't, if he doesn't, from here

11:07 Soon it will be over, you won't hear anything else, so you don't listen, you don't see, you don't buy, but that's also very complicated, man. And also in this aspect, right? You mentioned the Beatles? I think it is a very viable example that recently came out of the metal scene. And from rock, there was the very famous Chris Brown controversy. That's right, Chris Brown, who got off on it, Fabiana, and then, like, what now? He is being accused again, isn't he? There he hit again, he pissed, I don't know what. That was the air he pissed.

11:38 It's a girl like, there's a Hill that these guys just do shit, it's one shit after another, no. He wasn't accused now of rape Chris Brown wasn't at the time I don't know but it's in 2 since you certainly just when it rolled out there was controversy that all the streaming apps would have to pull Chris Brown. And then a lot of people brought up this controversy that is expensive. If you're going to take down Chris Brown, you have to take down John Lennon as well. Because John Lennon hit, it is written in a book that he hit a woman, guys, you have to take 90%

12:08 of the musicians and then, obviously, none of the streaming applications Spotify, Deezer, YouTube, took off because, man? You can't use double standards, can you? You have to use the same thing. So we have to take Chris Brown out, we have to take everybody out, what goes around comes around, right? And it happened in Brazil. It happens all the time with these funk songs that I don't know about. The names too, like following me MC who knows who. And the same thing, you will take one, you will have to take half of the Brazilian funk. Yeah, and

12:38 is a business. At the end of the day, do you think the streaming companies will take away? Do you think? You're going to have to prove it, you're going to have to have a lawyer to say, no, no. This one is not claiming that here. It was proven that he crashed, this one was the allegation. How would you know? It is hard to explain. Convicted and this one is not my old man. Who do you act like? I'll give you an example of Polanski in bitch of a director Bro, because it's ours that was convicted and got away. The guy from that yeah, he leaked

13:08 that the 13-year-old girl herself in that year was convicted, paid. Paid money, didn't pay the inaccuracy, fled to Europe. He is here until today. Now, man, before I found this out, when I was there watching the movies, man, I find the films that I put out that everybody borders on perfection and on, how the fuck am I going to know about this now? Man, that's it, me. Me. Because it seems that sometimes we kind of feel guilty for consuming a work in this sense, you know? We can't have this penance, man, this guilt

13:38 are not our people. You can't carry that guilt. I don't know, me too. I also think that not holding my opinion to the end, because I see that I'm going, but it's good to use here, no, no, but to but it's good that there's a dissenting opinion, the dissent is good, it's by healthily, I'm I'm one of the people that like, I wasn't going to bring it already, but I'm going to bring it because it's an example to me stronger than the Pantera guy the rogue ONS Elmo. It's not even just the Pantera, okay? The Selmo wire to me is extremely talented, because they give Pantera OM nor, which is a project

14:08 I like it a lot, musically speaking. But then, damn it, there was this bullshit about him being in the basket, and then you stop. To analyze Pantera has always been a guy. It has always been me who was innocent, you who are innocent, who think you are not, the guys with the Flag of the fucking rednecks. There the confederate states use m bug was also well in the Cathedral, but there even of the Flag has many people who defend that the guy one that is a symbol of is a symbol of them, that is not a racist symbol itself, because it was not created with that

14:39 was not used with the Nazi flag around. It is the same thing, isn't it? No it's not, no, it's not the same thing, it's different, it's different, the conversation, I've had a conversation with American, there's a cultural issue there of recognizing the. The Confederate Flag, WHAT it doesn't take away is that a lot of racists have used none of the time. I've seen a guy who is black, a guy from the minority, who fucked up, who is not at the time of the civil war, uses, even because the south, he notably, the day wanted slavery. He creates that his is white pride. That Daniel

15:09 of white pride is wrong. You know what the thing is, man? The thing is that like, if you see a guy from somewhere else wearing this flag, maybe if some politician, me. I have no connection with the southern United States. Wearing an anti-federal flag. I think it looks bad if guys wear motorcycles, open the guys usually around here on motorcycles, but I don't, I'm not going to get into it, because again, if you wouldn't wear the Nazi Flag and not anywhere in the world, not something that's not obvious and not and not and not the confederates, why don't you tell me anything? That Flag more accurate, who was born in the South? But who was born in

15:39 South, guy Flag of the guys, Anne is the same. I hear, I hear their Flag there. What was it? They need to wear it, man, if it's a symbol that other linked racism. Look people, I have to agree with Daniel, because it is the same with the people here in the south, in Brazil. They are proud of the Farroupilha revolution that the guys wanted to separate from the country and they have and they have and man, in the end it is the same thing. We know that there is also a lot of racism there, you know? It is a fucking racist state, so

16:09 I agree with Daniel, suddenly the guy is proud to live there in his state, fine, but from the moment his pride is hurting minorities. They can also live there in the same state as you, so, man, you are being a jerk, even if you are there from your state and there are other ways to show your pride than using the fucking Confederate Flag, sorry, there must be some other way. So I, I tend to agree on that point, when you have the state flag, you have a city flag, you have a lot of stuff, it's just that this is, this is a very recent thing, man, so, like, you have a linear skinner,

16:39 that used to wear that Flag in one everywhere, all these bands, but man, I'll give an example of that too because it's one of the reasons that so going back to Pantera, I stopped listening because of that, because I won't. Promote, I'm not going to give money to anyone of them in relation to that. I don't promote the band ever again, though new. I have three bands made by the same son of a bitch. That I find amazing I don't listen to, but you. You talked about the confederate amarillo texas, one of the most famous stories of punk, and there brian deneck who was killed rum

17:09 Bunch of guys with little confederate flags. Actually, you want to be linked to that, man, like the crazy guy was killed at the age of 19 because he was a punk in a place that was mostly Catholic and Christian and proud to be redneck urro and the and the affection went free, including. I don't want to. I don't want to be linked to that, no. Neither do I, because nobody wants it? Exactly, I'm just giving you 11, another way to look at the other side of the coin. Man, what a face that carries

17:40 his culture. It's hard for you to come to a guy from Texas or wherever and say "Bro, this flag represents racism. If the guy is not, it is complicated, right? That's it, it's bad for us, you don't go, the United States is racist and then goes against the historical monuments, right? That people want to tear down, that's a lot of things, you know? For example, here people wanted to tear down the monument of the standard. Why? Why not? Because it reminded us of a dark period, but wanting it or not, it was a period that makes us feel like we were in a dark period.

18:10 part of the story and bring him down. No, no, I don't know if this is going to bring any return and I don't even know what impact this would have, you know? Yes, I'm not going to bring up this discussion because I think we get too far away from the music, we get too far away from the music, but Camila, send it over, I'm just going to bring it up real quick, I think we have to tear it down just like they tried to tear down the Borba gato, because if you are erecting a monument to the son of a bitch, you have to tear it down, that was it. No, we won't let them, we won't send them as a matter of course. We bet that we have the sodium in

18:40 future, that alone is not even less correct. At least that they should fall or not. You get more than 50 ml, that's good, but for now we've only talked about people. Light, is there anything worse? I wouldn't say that, would you, man? No, not since we talked to him. It has already begun. Pedophilia, racism, beating women, nothing that is true and I brought a band that is the former law that I liked. I like it a lot. But the vocalist, my God, he lost his hand, the guy was arrested for attempted murder of

19:10 his own wife, right, man? The guy set the guy up, made a whole and that not to mention that who doesn't know Brazilian is a Christian band, right? Which makes things still going to try? Seriously, you can't light one candle for God and one for the devil. It's the oil, almost law. Then he's basically a Christian band, man, he's going through his theme, and then the guy sends a Christian metalcore instance, man, but that's also what another great back was for. But that's what I tell you, isn't it? I never idolize anyone of those kinds of people.

19:40 What always remains is that question, look, today I am catching myself listening to this, right? Do I listen, do I not listen? How is this going to impact? Will I be giving royalties to these guys, how is it? I think it is very interesting that these bands take immediate action when people do something, like CPM 22, right? With Japim the guys put the guy out, right? So you are showing that the band also has a position. Just like the company, when it finds out that someone did something wrong too, exactly. Then it punishes like

20:10 I think that's important. That's it, that's agreeing, that's it. We have to have the band's songs. Just a moment, a posture or not of supporting and saying no, the guy hit one, that is it, the guy killed one, that is it, or of saying no, we don't agree, the guy just left the band at the moment it happened, that is the other thing too, playing the same role of Devil's Advocate is that there are a lot of people who say one thing, this accused, another thing to be condemned and there are people who say this, when he is not condemned we, we are with the guy because nobody is guilty of forgetting. That is what you prove he is, isn't it? So, in other words, there are people

20:40 who is still going this way. Then I don't know. Each one has his own way of saying it, because the guy really wants to hear three more months in the band, right? So, it is just to see which one it is, imagine if we were to overcome this Dickinson, imagine if Bruce Dickinson were to say, no, wait a minute, he has not been convicted yet, wait that you will go to the last instance, right? What about that tape of nergal that he posted a t-shirt with the words fuck antifa on it? What about that? No, but it's just that I don't want death, so for me, I don't. And so, I

21:10 I think it's cool. A genius like that, musically speaking, right? I never stopped to talk to him, but that's it, a rain, a sadness, you know, man, that's it, that's what I, I always insist on, you know? The only thing that comforts me. Man, yeah. The work is there and it is connected, the work is there, I can not do much about it, man. I can't do much about it, man. I can't do anything about it, I can't do anything about it, I can't do anything about it, I can't do anything about it,

21:41 but it doesn't bother me nego that like, I'm just going to pull for another black side that declares itself conservative or back in Trump? That doesn't bother me zero I don't agree, but I think everyone votes for whoever they want to excuse a way forward the this. Isn't that super conservative? I had pointed out here is Johnny ramone, guitarist of the Ramones who was ultra-conservative. I think that a person's political position, people are entitled to theirs, to have their political position, because there in Brazil this is also discussed a lot,

22:11 right? The guy voted for Bolsonaro. Let him come back, patience, now he's here suffering with the people who didn't vote. That's good, but I get caught up in it. This thing of politics doesn't bother me much, being very honest, it's not what makes me more confused is when the guy is really a criminal. Yes, he is a criminal, and that's fucked up. This just shows me one more thing. Seeing here we have been exposing these artists, shows me that more and more I understand why power metal is the one that matters, because you don't see any power metal guys

22:41 being framed in this shit. Man, it's not because nobody is because they don't go to the news guys. Power metal, nobody standing up for themselves is not racism, the guys don't do this stuff. I'm not killing anybody, the guys are just in the forest, doing their dances with the elves, with the fairies, and that I had one defending his crime of 68 bronha. Nothing of, but their crime is to be. Is to be is to be retarded? No, but if it was, honey, no, but people, but I answered from Camila, like from nergal, nergal is? Even though it's not really black metal,

23:11 right? That opens the gate to a billion other black metal things. Black metal is one of my favorite styles, it's one of the hardest things to listen to without having to make that comparison, because really, man. 90% taking statistics out of my ass, let it be clear, I took 90% from the net institute of ta ass is 90% these black metal bands, mainly Norwegian, Scandinavian. They have some Nazi or racist tendency.

23:43 or some elderly welfare thing. That's not the only one I agree with, is that it's a church, as long as there's no one inside the church, but the rest is pretty heavy. The guy is murder, like so much that I didn't even bring a lot of black metal into this discussion because of that. Because it is 90%, you keep researching, does this band that is or is not Nazi, does it now have a whole movement? Which I forget the name of here in Brazil, but, for example, in what is ONSBM, which is now, it is Nelson Charles black

24:13 metal. Que é esse movimento totalmente nazis. Tinha e aí, tem gravadoras, estúdios que fazem questão de falar assim, só entra no nosso. É nosso estúdio, se você não for, só que aí você vai ter casos que nem a gente já falou que o André gosta, por exemplo, do alces. Vocalista do aos ex, vivia como banda que é extremamente nazista. Não sabia. Eles se pronunciou ou não, ninguém tem provas, mas e aí? Ele é pró, ele contra, mas não contra. Exato

24:43 é, mas aí eu ouvi que metal é o pior estilo de todos. Para para essa polêmica, porque, cara, você fica 3 dias ter pesquisando que não consegue saber, mas é o que se assume que está errado. No começo depois dessa pesquisa, porque não só se o cara só escuta e não pesquisa, ele também não pode ser. Ele é a ignorância, é uma benção, né cara? Não, não é talvez tudo como tudo na vida, se você não sabe o que que tá rolando, porque eu nem sabia dessa do alceste por eu só escuto, entendeu? Você vai descobrindo cada vez mais daqui a pouco no Spotify. Ela vai ter o Padre Fábio de Melo,

25:13 biquíni cavadão EE. Não é certo sem Júnior, porque um eu acho, Mano, mas é isso. Isso é o bom e ruim de sua família e o Patati Patatá vai ficar com sua família. Pelo menos agora esses caras não ficam escondidos. Só que aí tem um lado ruim que eles também não ficam escondidos. Para quem é pró fazer merda, pois é, porque quase não assim algum lugar, né, né? Porque você tem o tipo você tem OA empatia dos caras que acham que é certo e você tem OA merda que. Que vai

25:43 ter um Monte de gente falando cara, tipo a história do burzum Mayhem, e aí você vai descendo a linha black metal, não dá nem pra discutir, não é um poço sem fundo, né? Não dá. Black metal, não dá. Se ele já pode, dá pra fazer um episódio só de merdas que pessoal de black metal fez na história você consegue ouvir black metal? O que que sobrou para você ouvir, já que você não ouvi nada que tenha associação, cara, tem uma gravadora que eu tenho escutado muito, que a Grammy Stone records, que ela É Ela tem esse faz um frio de É Ela tem esse ponto de que tipos a gente vai pesquisar, você não entra as suas ele tiver.

26:14 Letras ou algum histórico do tipo? Mas é difícil. Volta e meia cara. O negócio do emprego que eu falei, porra, o Fausto do emperrou foi lá e bateu em um gay, matou o cara. Aí você tem o varga, você tem que, cara, não dá, não dá. Black metal cara cada vez mais difícil, eu sempre tento dar uma pesquisada. Só que como eu escuto de países estranhos tipo Rússia, é difícil, mais difícil ainda de descobrir o que aconteceu. Black metal que salva é só a Raça Negra, né? A camisa do Raça Negra foi isso melhor banda de black metal

26:44 que existe é o molejo. Já não se salva tanto, não, não fica velho, fica criando, não, cara é assim, eu vou, eu vou sempre bater nessa, nessa eu até tinha apontado a que tipo eu quando escuto uma música eu vejo um filme assim eu leio um livro cara, eu não consigo nem pensar na cara do do cara que estava. Que é o do autor ou do a experiência me pega tanto no nível que pouco me importa quem foi que criou, qual é a história do cara que criou, entendeu? É e daqui

27:14 para frente vai ser assim? Então, tipo, eu tento me apegar a ao que aquela obra. Passa para mim, me transmite, entendeu? É só isso? É? E assim acho só interessante você trazer isso, André. Porque a Jaque Rowling eu coloquei aqui porque eu sou a louca do Harry Potter. Ela fez uns comentários trans fóbicos bem recentemente, e aí, cara, você está lá acompanhando por uma década basicamente uma história que fala sobre inclusão e sobre os.

27:45 Não é os esquisitos. Se mostrando em seu espaço, mostrando exato, tem que ser espaço é de repente. A mulher vem e fala que pessoas que sangram tem nome e nome é mulheres e o que é foda e vocês sabem que muita gente colocou esse ponto como muito interessante. É Harry Potter se tornou muito maior do que AGK. Rowling, muito. Então, assim isso, beleza, ela criou, ela criou, mas isso não é mais dela, não pertence a ela, não pertence mais a ela. Então, ainda que beleza

28:15 seja uma merda, saber que cada vez que a gente comprar um livro, assistir novamente o filme, né? Se não tiver o DVD em casa, enfim, assistindo um streaming ou se a gente for no parque, enfim, vai dar uma grana Pra Ela assim mais cara. O bem que a obra trouxe é maior do que esse mal que ela está fazendo aqui. E aí é a questão de responsabilizá-la pelo que ela está fazendo. Mas saber que a obra é muito maior. Então essa questão do separar, eu acho bem importante, fundamento que ela é, tem, é, é o relativo, né? Aquele

28:45 negócio, porque o que eu vejo, se a banda às suas letras não transmitiam aquilo que a pessoa acabou por cometer, não vejo porque imagina que uma banda falava pra celeida era cristão nas letras, né? Depois o cara fez aquilo que é totalmente a gente cristão. Que ele pregava mais, por exemplo, é esquizofrenias nosso de cada dia nos dai hoje, não é? Eu falei, faz, faz aquilo, não é? Mas eu tenho outra pergunta para continuar, para fazer mais polêmica ainda, gente nossa, que é que é assim, né? A gente falou sobre, quero ser cancelada, sobre sobre as pessoas que cometem os crimes

29:15 estão nas bandas. Eu queria saber se a gente está também fazendo essa essa parte de, às vezes separar ou não ainda tem. Ainda não é unanimidade nem nem para si, nem para, não. Eu queria saber e as pessoas que já cometeram depois vão para o mundo da música, o mundo é, a gente vai aceitar, essas pessoas não vão aceitar, tem? Ou seja, é aquela reinserção na sociedade de um ex, de um cara que também cometeu o crime. Mas a gente sabe assumidamente que ele cometeu e agora ele é um cantor de renome, um bom cantor. E aí depende essa pessoa pagou não pelo crime que ela cometeu.

29:46 Se ela pagou pelo crime que ela cometeu? Ainda que seja algo odioso, se Ela Foi punida, foi presa, enfim, pagou da maneira que tinha que pagar. A gente pode não achar exatamente justo, mas de acordo com a lei, a lei da sociedade. Ela pagou por aquele crime, beleza, mas aí também vale para o para o oposto daqueles que praticaram cumpriram. A gente pode voltar, então ouvir a música deles seria mais ou menos assim. É, depende, pode ser complexa, é porque é complexo, entendeu? Quando você inverte, quando você inverte o jogo,

30:16 faz o do contrário, depois volta para aquele mesmo ponto inicial, a coisa fica ainda mais nossa, eu estou aqui igual a Nazaré Tedesco, fazer esse confronto com 10 por isso agora tome um desses 2. Mas eu não entendi, mas está dizendo o quê? Tipo, um cara que, tipo, a Suzane Richthofen começa a cantar e canta pra caralho, né? Porque vamos supor agora o tio vamos, é o chambres, que é o Dudu asilei. Daí ele foi preso e condenado, saiu e agora voltou para a leida, está construindo e tal e vamos pra que ele faça outra banda. Não que ele cumpriu, cumpriu, cumpriu esse. Esse é um caso, esse é um só favor da redução é

30:46 do embora pronto maneira, então imagina agora que o Phil Anselmo fosse lá pela própria, pela própria as falas dele, por algum acaso ele vai condenado, volta, ouvir Pantera depois que ele cumpre é isso também? Então por isso que eu acho que é difícil, é difícil, por isso que eu falo, é difícil. Se você tivesse essa forma de ponderar as coisas, é muito complexo, cara, é muito pessoal, complexo, mas é, eu acho que são 2 coisas diferentes, né? A gente já sabe que o conteúdo das próprias letras do Pantera, a história do Pantera, tem essa questão supremacista babaca tá lá, santinho,

31:16 existe cowboy from Hell, eles tem bastante coisa exato, então assim há beleza, o fio Anselmo está pagando pelos pecados dele, agora eu posso voltar a ouvir Pantera. Continua sendo banda supremacista, et cetera, cara, está ali, outra coisa é uma pessoa que fez merda pra caralho, pagou pelos seus crimes que de repente está desenvolvendo um trabalho que não endossa aquele crime que ela cometeu. Então eu acho que, na verdade, são 2 cenários diferentes, a mesma coisa que sei lá, o fio Anselmo vai é preso, passa lá 1012 anos, foda-se, e quando volta tem uma outra postura, vem de um outro

31:46 tipo de música, desenvolve um outro tipo de trabalho, aí também é uma outra situação. Por exemplo, Steven Tyler, cara, ele com 27 anos, foi casado com uma mina de 16. Obrigou a mina, boa tarde. O filho da puta, só que aí ele é da própria biografia dele, colocou que ele se arrepende, que. Errado pra caralho. Hoje em dia ele tem. Uma ONG que cara ajuda a crianças que sofreram abuso sexual. Arrecadar fundos, et cetera, foi filha da puta, fez

32:16 merda, fez tá tentando reparar de algum modo, tá? É defensável, não é? Mas está tentando fazer alguma coisa, entendeu? Eu entendo. Isso é, a pessoa não está fazendo nada. O foda é em casos como, por exemplo, o próprio John Lennon, que morreu, Michael Jackson, que morreu e não teve nem tempo para se retratar, nem tem nem tempo, às vezes para ser usado pelo que e aí aí que fica, fica nesse limbo. E você já utilizou aquelas? Mas como parte da tua vida, você já faz parte do teu do teu ambiente. Quando você se cresceu com aquilo e depois você vê tipo, pode

32:46 rolar decepção clara, é normal, pode rolar eu e outra outra que eu acho que é difícil rua. Porque elas pertencem de Quem é Quem utiliza. Mas eu acho que tem uma coisa que é mais difícil ainda, quer querendo ou não, por mais que sei lá com Pantera e com ampla, eu tomei uma decisão bem agressiva de não, não vou ouvir mais. Independente se o cara melhorar ou não, foda-se. É, mas tem bandas que cada tipo é difícil você assumir, sabe, tipo Chuck Berry, o cara foi pego em flagrante

33:17 com um vídeo de criança porque ele filmava as crianças no banheiro de mulher do restaurante dele. É uma das lendas do rock. Você tem o Jorge home do Windows? Oneide, que já bateu em mulher, você tem a desse cara então? Megadeth também, o próprio Ozzy que a gente idolatra tanto que a gente fala bem dele em todos os episódios, tipo. O maluco tipo tentou matar a Sharon, sabe o rum e eu não parei de ouvir. Black Sabbath, eu não parei de ouvir tche BR, eu não parei de ouvir crimson Neide. Isso é muito difícil. Então qual é a linha exato? Para mim é

33:47 cumpre teto ou não? É tipo Mano sentir a sensação de não ouvir não, porque às vezes você não. Eu acho que a linha também, a postura, a postura que tem, porque, por exemplo, oshio tinha muita justificativa de que ele estava doidão de droga, que eu acho que é uma das desculpas mais farrapadas tava tava até mas como é o Ozzy? Se fosse qualquer outra pessoa fala, eu estava drogado. Eu não acho que era uma justificativa, mas o 11 é a droga em pessoa, gente. Ele arrancou a cabeça de um morcego achando que era de borracha. Então, exato. Então o Ozzy dá para passar um? Parola,

34:17 Chuck Berry não dá, mas gostei de você falar, passar um pano de tipo a gente sabe que está errando. A gente sabe, exato, exato, importante e tipo, e eu e cara, desculpa se algum de vocês fala que você não ouve. Black Sabbath, vocês são hipócritas, eu sei que todo mundo aqui, isso tudo, cara, todo mundo está falando bem cara, tudo que a gente falou que ou você não ó tudo que a gente falou aqui o outro, mas no black metal que eu não gosto de black metal, é. Mas também é porque você tem medo do capeta, cara, eu vou te dar e eu não ouço porque é cara. Eu como é que eu vou parar sua chata eu sou

34:47 eu sou fanático, fanático pela obra do Stanley Kubrick. Cara, eu já tenho ciúmes dele, é? Eu cresci e ficar na faculdade de consumir, como é que eu vou deixar de ver cara, como é que eu vou deixar de ver laranja, mecânica velho, eu tenho uma tatuagem do iluminado, então se tenta, então é de uma obra de um cara que é um puta de um desgraçado, eu sei esse que é o problema é, é muito difícil você. Achar alguém que não que seja 100% fiel a essa postura tipo gente, a mesma coisa. O Tarantino também quem vai

35:17 deixar de assistir a obra do Tarantino? Não, né, cara? Tinha mais, dá pra gente falar Tarantino, Polanski tranquila Kubrick o Hemingway, cobrando um branco dito maldito estupro, a mina, a mina comandam a cena. É não, não é moment à vel EE. Para mim, o melhor filme da minha vida é o cara que é um filme que ele participa. Quando eu, o padrinho, então, tipo o cara, eu. Eu parei de ficar me punindo durante um tempo, eu entrei nesse dilema. É um dilema foda

35:48 porque é moral, é ético, é envolve uma calhada de que mexe com os seus valores, né? Como pessoa, Claro, cara, porque se você é uma pessoa com com o mínimo de bom senso, você tenta falar porra, mas é que não é empatia, né, cara EE mas é aquilo. Eu acho que o povo McCarthy me disse uma vez, alguém disse já, né? Se você não quer se decepcionar, não conhece seus ídolos, né isso? Mas, tipo, eu não eu ídolo, meu ídolo é só um, é meu pai, o que eu sei, confio nele o resto do meu irmão eu uso a obra e que me faz bem,

36:18 eu separo, não estou nem aí para a vida pessoal dele e vou criticar se for preciso agora eu consigo separar na medida do possível, inclusive, que a gente é, eu também ouvi essa outra frase? Não sei quem disse, mas é aquilo, né? Os ídolos que você vê, que que fizeram merda, que tá, tá notável, pronto. Esses aí ficaram notáveis, mas tem-se outros 50 que você nem sabe. Você passa por o Santos tá ali naquela, naquela cara de um anjo de candura, mas na verdade é um Angel of death, né cara, porque eles só não está, ele só não deixa cair

36:48 na mídia, ele está sempre ali, sorrindo e acenando, né? Tipo estilo do quanto Madagascar, né, cara, muito eu não, eu não muito assim. De novo, saindo da música, porque não tem como, né? A gente tá falando como arte, com muito legal, mas teve um exemplo, eu não vou lembrar qual foi o cara de stand up que eu estava vendo ele e é um cara polêmico. E ele deu um exemplo que é bem viável, que é assim, cara, tipo todo mundo fala que ele é polêmico, porque ele fala palavrão, porque ele fala de temas pesados, hurum, e ele falou um Monte de gente me critica, mas até onde eu sei, eu nunca cometi

37:18 nada, enquanto outras pessoas iam ver Bill Cosby que nunca falam palavrão na vida e que estuprou 60 mulheres. Ambos pois é, e aí? E aí então, tipo, tem coisas que é que são complicadas e beleza. Não estou defendendo esse cara, tanto que eu não lembro qual dos milhões de comediantes polêmicos é. Eu sei que não é o David chapéu. Porque era um cara branco, mas eu não lembro qual o cara branco. E cara, tipo, até agora, ninguém sabe se ele já fez, mas e se em algum momento sair e falar, então você já estou pro

37:48 3 Minas também, e aí? Então precisa saber. Irmãos, você vai tá difícil, vai ficar agora procurando o que? Qual é o crime que o cara que que te faz a obra que ele fez te faz bem? É eu, eu não procuro, mas se o negócio fica muito descarado eu, eu tento evitar. Claro, eu acho que eu tenho que evitar. Você é uma coisa que é tipo black metal, se eu descubro que é uma banda de black metal nazista, não vou dar um centavo do Spotify para seus filha da puta. Agora o 11 é 11, complica. Bateu

38:18 na mulher. Tudo nessa vida é muito. É muito complicado, é relativo a gente. Na verdade, a gente é mais vítima do que outra coisa, porque os caras fazem, a gente só tá se fodendo. Nenhum crime velho e a gente não está cometendo é também não é crime você consumir a obra que são. São pessoas que cometem crimes, são países que às vezes você gosta do país, pô, eu gosto dos Estados Unidos, se você for ver a política externa dos Estados Unidos, que os outros países são os tremendos nos filhos da puta, quem vive fora, sabe, é eles só criam guerras, destroem o bonde, eles passam os caras, é o pior que gafanhoto, não tem nenhum mínimo

38:48 de compaixão. Não destrói tudo, cara os ingleses, pô, os ingleses são maneiras. Vai ver o que os ingleses fazem fora da Inglaterra, quando eles vão para aqui, eles destroem tudo. Marina é complicadíssimo. Então assim, gente, até o Japão né? As Olinda são lindos aliados de quem, gente? Na segunda guerra, nós, brasileiros, nós não destruímos, fora, nós destruímos dentro mesmo, é, é o nosso poder de auto destruição é fantástica, é fantástico, então assim, se a gente for buscar, cara, tudo tem, então eu vou deixar aqui as minhas palavras é eu separo

39:18 a obra do do artista. Deu Michel porque se não, eu vou ficar maluco. E não é minha, porque funciona ficar julgando os outros. E agora, quando me pega por empatia, é realmente cara, eu não vou fazer certas coisas. É, é uma questão muito pessoal, só que assim, nem mesmo Pantera eu manteria legal. Mas se você for perguntar, quantas você escuta? Pantera, cara, já faz muito tempo que eu não escuto, então, tipo assim, é, é uma coisa, você imagina se fosse o Edgar, sei lá, uma fantasia ficar muito triste, né cara? Ia chorar, mas comecei, ia continuar ouvindo menor gente

39:49 eu sei fazer que nem o cozy né tipo. Eu sei, mas na verdade eu ia ter só a cara do disco. Não é fácil, bem dormido, bem dormido, e eu vi assim, né? Mas, cara, é, é só eu, é isso, cara. Cada um tem que fazer o seu crivo. Eu acho que nem compete a gente aqui tentar ficar falando há, eu não, eu, eu separo, eu não separo. Acho que cada um que está ouvindo aí no seu íntimo de casa, você sabe que nós somos imperfeitos, nós temos nós mesmos problemas e nós fazemos coisas que quando as pessoas não vem, olha só, só Jesus é que sabe

40:19 e que aquilo que você acredita então. Meu, antes da gente começar a apontar tanta merda, a gente tem que lembrar também que a gente é factível produzi-las também. Então, sim, faça, sou palavras sábias, isso. Olha aí, bom cara, uma vez na vida, não é à parte nós, coitado do Michel, ultimamente tem sido tão coerente, deixa o menino, investe a Dinho, gente, eu acho que no final das contas, acho que o grande recado que fica aqui é tipo, o cara é ao consumir arte, de modo geral, não consuma de forma cega seja crítico,

40:49 acho que o você desenvolver um pensamento crítico é interessante, é isso que. Te faz enxergar as coisas boas e também as merdas, e aí, beleza, você tá consumindo a obra de alguém que talvez você não devesse ter consumido, mas se aquilo te leva a construir um pensamento crítico que pode inclusive ajudar a sociedade de um modo geral, bom, então talvez não tenha sido tão ruim assim você ter consumido aquilo. Acho que se se permitir construir Oo pensamento crítico, acho que esse é o ponto principal, não ficar ali com o cabritinho só olhando para uma única direção.

41:20 André Sarmento, cara, eu. Eu é isso. Eu é um, é algo que eu tenho trabalhado muito nisso e cheguei a essa conclusão também. Eu consigo separar bem, é, eu acho que a obra do artista, ela, ela acaba sempre sendo maior do que o próprio autor, não é? E por muitas vezes é acaba por inspirar. Como AA autora do Harry Potter, não é que é um livro também que quando era criança, ali, cara, está valendo para meu filho no dia desses, tá ligado? É surreal pensar nisso, mas é uma obra muito maior

41:51 do que ela. Qualquer bosta que ela faça. E o Kubrick, Marlon Brando, enfim, todos eles, todos eles, eu, eu vou consumir sempre que me fizer bem, não é EE, sabendo com esse olhar crítico, a Camila falou, porque você não pode idolatrar pessoas que você nunca conversou 5 minutos, cara, isso é surreal, perfeito e pior ainda, idolatrar um. Político mas como nós, e sim. Então nós se fala Claro, pois é, Danny boy, eu é. Eu estava aguardando, mas eu. Eu não, mas eu não vou ser polêmico não, porque eu concordo, eu acho que nossa isso

42:21 não é surpreendente, meu Deus, é um, é um tocou, tocou o coração primeira vez também, né? Mas eu acho que para mim é aquela coisa, eu não sou hipócrita de falar que eu pesquiso todos porque eu escuto, sei lá, no passado eu escutei 80000 horas de música no Spotify. Se eu ficar pesquisando tudo é, eu escuto música durante 12 horas da minha vida, né? O senhor movido música eu não julgo. Se eu for pesquisar tudo, eu estou fodido, você não vai ouvir nada, mas quando é, por exemplo, um Igor da vida, uma banda dessas que eu promovo toda a semana, que eu falo toda hora,

42:52 eu ainda faço a minha pesquisa através assim, tipo, eu vou continuar promovendo esses filhos da puta ou não, todo mês você vai lá, vamos lá, Igor, vamos, não vamos ver, vamos olhar aqui a ficha coisa puxa, a camisola é muito canto muito grande, mas toda semana né, pra fazer você acaba dando uma pesquisada. Que eu acompanho a banda não é só pelo fator de que eu pesquiso mais, cara, eu acompanho. O Igor acompanha a banda no Instagram. É, eu leio notícias sobre eles. Eu vejo quando tem coisa nova show, então eu vou acabar sabendo. Isso vale para Slipknot, vale para milhares de outras bandas. Mas eu acho que também

43:22 tem essa coisa que eu não sou hipócrita de falar que é seletivo. Não é que no momento eu falo, half ONS é uma racista? Eu não vou ouvir mais, mas o Ozzy tentou matar a mulher dele, tá tudo bem. Então, tipo, e aí é e é difícil, é o que eu falei, eu tenho tatuagem do Kubrick, um dos meus pintores favoritos ao cara vadio que matou um cara e fugiu, morreu fugido. A pintor nem entre nesse mérito. Pintor gente não entra mais em nenhum museu. Fim, pintor fodeu Picasso, Caravaggio, Michelangelo, você pode ficar listando, mas

43:52 eu acho que é assim, eu eu concordo e tem um outro fator que a gente tem que levar em consideração, que todo mundo aqui nesse podcast é branco. Todo mundo aqui é das maiorias privilegiadas, sim, e às vezes a gente não sente a dor do que as outras pessoas sentem. Eu tenho visto isso muito no dia a dia de porra. Há uma banda que, para mim não ofende, porque eu sou um cara branco, hétero. Ofende outra pessoa que está próxima de mim, que ia transe, que é uma mulher que é um negro. E

44:22 eu ouvi o que eles tenham falado sobre isso, e talvez pese, aí sim, vale a pena pesquisar e falar porra, vai entrar no meu filtro ou não vai? Porque é o que eu falei num. Foi por isso que eu dei um exemplo no começo, se eu ver, se a Camila apanhando do Dinho do Capital Inicial, eu nunca mais ia dar dinheiro para o Capital Inicial, o que nunca ia acontecer porque nunca dei dinheiro. Mas dinheiro nunca é um exemplo. Nunca vai conseguir bater na Camila, então é isso, é exato, mas é um exemplo. Que cara, tipo eu favor tentar achar uma banda Brasileira, que é que é mais genérica, né? Aquele grande, a dor que dói no outro,

44:52 mas não dói em mim, será que ela é tão relevante assim, né? Exato, aí a gente perfeito tem, que é, pô, bota um para atrás e houve, sabe, tipo. Você tá, você pode é, eu acho que todo mundo tem o direito de continuar ouvindo, viu? Que se eu quiser continuar ouvindo o dia depois que ele bateu na Camila? É um direito meu, é, eu não ouviria. Mas todo mundo tem que, pelo menos refletir cara, tipo, você tem o direito de escolher se ter um senso crítico. Tipo, reflete outra vez se faz sentido isso é o primeiro ponto. É um primeiro

45:22 ponto. Você não, caralho, idolatrar uma pessoa que você nunca falou velho. Isso para mim é exato, não faz muito sentido. Eu me lembro como é que falou? Porque às vezes a pessoa no profissional, tanto no profissional quanto no pessoal, né? Às vezes a pessoa no profissional é uma coisa, amigos e não fizeram tudo, você não sabia, né? Você não sabe, cara, mas esse trabalho é com o cara que é espetacular no trabalho, mas chega em casa, é um, é o tazmania né cara? Um terror não é cara, eu vou, eu vou só dar um exemplo, esse aqui a gente já vai terminar, mas me deu um exemplo de um cara, de um, de um. Um comediante

45:53 que era o Márcio smell, era o cara que mais levantava a Bandeira fraca, exatamente o cara que mais levantava a Bandeira, não contra tudo, cara, OA favor do feminismo, a favor do do, contra o racismo, a favor é o cara. Como é que existe gente hipócrita, né, cara? Então tira. O mundo, ele é muito louco, então, cara, é muito difícil você saber quem é de verdade. Quem não entra, não é dona da obra. A obra é de verdade, a obra está ali, ó. Quem falou que quem é de verdade sabe quem é de mentira, talvez não soubesse tanto assim. Fica aí a reflexão

46:23 que assim a gente não sabe de nada, fica a reflexão, quem, quem? Quem é de verdade faz e não fala, né, cara? Quem fala muito, um desconfie, sempre use o seu senso crítico, lembre-se, todas as pessoas evoluem, o que você foi hoje que nós somos hoje nesse podcast não seremos amanhã porque nós somos seres em construção e melhoramento, a evolução contínua. É isso, meus queridos, essa é a mensagem. Procurem se melhorar sempre, porque a vida depende disso. Faça o seu critério, faça sua Milo pré não hoje própria lá hoje, 3, nossa

46:53 ação planetária estamos gente, o cortella hoje está impressionante que está você grande chega, né? Acho que já deu, acabou. O episódio está separado, mexe nosso filósofo. Nosso filósofo no futuro, vamos dizer que eu comecei no podcast de metal, eu vou ter orgulho. Entendeu essas? Acho que já deu, né? Ouvir um Raimundo você já deu. Deixa-me falar aqui, Claro. Houve quem

47:24 aí vai? Muitos. Podia terminar, não é? O Raimundos episódio, caralho.

en_USEnglish